terça-feira, 30 de agosto de 2011

Ìndios, selvages canibais.

Quem trabalha na Funai, sabe que os índios, os “bons selvagens” de Rousseau, continuam hoje praticando o canibalismo, da mesma forma que foi descrito por Hans Staden, no século XVI. Sabe-se que os cintas-largas e outras 20 etnias comem carne humana, quase sempre por vingança e escondidos das autoridades. Em 2009, o deficiente físico Océlio Alves, de 21 anos foi morto e comprovadamente devorado por índios da etnia culina, na cidade de Envira a 1.200 Km de Manaus; dos acusados, 7 estão foragidos e um foi inocentado por “falta de provas” (observe que ele havia comido as provas).
Além de comerem pessoas, os índios costumam matar bebês recém-nascidos com a mesma desenvoltura que nossas mulheres usam anticoncepcionais orais. Filhos de mãe solteira, gêmeos, portadores de pequenas deformidades congênitas, e outros (determinados pelas mais estranhas tradições tribais), são enterrados vivos ou abandonados na mata para ser devorados por animais selvagens. O infanticídio é prática avalizada pela tradição indígena.
No passado, discutia-se se índios eram seres humanos ou animais. A Igreja Católica questionava se eles possuíam alma ou não. Essa desconfortável discussão não terminou, afinal, se eles são brasileiros, estarão acima da Constituição, que garante o direito à vida? As autoridades evitam emitir posições oficiais, mas a bancada evangélica acusa o governo de cruzar os braços e não proteger essas crianças, e pressiona o Congresso a discutir a “lei Muwaji”, contra o infanticídio.
Enquanto isso, a medicina dos brancos traz de avião, para ser operado no Hospital São Paulo, uma criança ianomâmi, para correção cirúrgica de um pequeno defeito congênito nos genitais. Após o sucesso da operação, um esforço gigantesco que mobilizou uma enorme equipe, a criança foi levada de volta à aldeia. Em menos de uma semana, seus avós a mataram, alegando que estaria “impura aos olhos dos deuses”. Acompanhei pessoalmente o desenrolar dessa tragédia.
Saiba mais: http://leimuwaji.blogspot.com/

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Há Médicos e médicos.

Paulo Pinto, cirurgião em Sertãozinho (SP). Após atender um senhor em risco de vida, pelo SUS, na Santa Casa local, indicou sua internação em UTI, sendo informado que as vagas existentes estavam reservadas exclusivamente para planos de saúde privados, encontrando-se indisponíveis ao SUS. Diante da recusa da administração do hospital, sentindo-se impedido de fazer o melhor pelo paciente, o médico o transferiu assim mesmo, e chamou a Polícia Militar, registrando um Boletim de Ocorrência.

Miriam Tomkowiski, ortopedista do Hospital Regional de Paranoá (DF). Após ter a casa roubada, espalhou pela cerca do imóvel seringas supostamente contaminadas, junto com uma placa informativa onde se lia: “Muro com sangue HIV +, não pule”. Diante da repercussão do caso, apresentou um atestado médico afastando-se do trabalho por tempo indeterminado.

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Lula, "nóço" líder

Inicialmente resistiu em participar do sindicalismo, foi contrário a aliança entre trabalhadores e estudantes, desprezou o apoio da Igreja Católica, resistiu à campanha das diretas-já, boicotou a Constituinte de 1988, vetou a colaboração do PT com o governo Itamar Franco, criticou o Plano Real. Durante todo seu governo não reconheceu os avanços sociais de seu antecessor, Fernando Henrique, chamando-os de “herança maldita”, embora tenha dado sequencia aos mesmos, rebatizando-os com outros nomes. Admirador declarado de Mahatma Gandhi e de Adolf Hitler, como confessou a um entrevistador à época em que liderava os metalúrgicos do ABC, em greves que ajudaram a derrubar a ditadura militar no Brasil. Tornou-se amigo de Ditadores como o cubano Fidel Castro e Hugo Chavez.
Descubra como Lula é oportunista, conservador e como“nunca foi de esquerda”. Não mudou tanto assim desde que emergiu do ABC para o planalto central, privilegiando interesses de banqueiros e capitalistas poderosos, enquanto agradava aos pobres e analfabetos com sua origem humilde e português incorreto, enganando-os com suas famosas “bravatas”. Descubra como seus parentes, amigos e apaniguados enriqueceram, e entenda a origem da maior onda de corrupção e escandalos da história desse país.
Programe-se para o lançamento do livro do jornalista e poeta José Nêumanne Pinto, em São Paulo, terça-feira, 23 de agosto, a partir das 19h
na Livraria da Vila, rua Fradique Coutinho, 915/ Vila Madalena.
Estarei lá.
"Lula é o maior líder político do Brasil em todos os tempos. Isso tem um lado muito bom, mas também outro, muito mau. Eu mostro como é o homem que levou o povo ao poder, mas também descrevo o Macunaíma (herói sem nenhum caráter) capaz de qualquer coisa para chegar onde chegou" (José Nêumanne Pinto).

sábado, 20 de agosto de 2011

Pacientes que não tive 26: Suzanne Eman



Após finalmente concluir que não conseguia emagrecer fazendo regimes, Suzanne Eman, americana de 32 anos, pesando 330 kg, decidiu seguir um novo caminho. A partir de agora está fazendo uma dieta de engorda, ganhando peso, com objetivo de se tornar a mulher mais gorda do mundo, e entrar para o Guinness. Está feliz da vida, comendo de tudo, ingerindo mais de 20 mil calorias por dia. Pão, doce, hambúrguer, gorduras trans, tudo é vorazmente consumido, num sacrifício terrível. Sua maior dificuldade é o tempo que precisa gastar no supermercado para recolher tudo o que quer devorar. Desde então, está se sentindo mais confiante e mais sexy. “Percebi que comecei a atrair mais homens”, declarou ao jornal britânico “Daily Mail”. Alertada pelos médicos dos riscos que está correndo, ela não se importa, é a feliz dona de seu destino. Antes um gordo feliz do que um magro triste.

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

A desvantagem do otimismo


Ao contrário do que sugere a literatura barata de auto-ajuda, acho que o otimismo é o maior inimigo do sucesso. Estudo publicado em 2007 no “Journal of Economics Financial” revela que pessoas otimistas tem maior probabilidade de fumar e costumam trabalhar menos.

A maioria das pessoas pensa que o futuro será melhor, o que pode ser desastroso. A pessoa cria falsas expectativas, subestima riscos e aumenta a chance de se frustrar. Schopenhauer, meu filósofo predileto, o maior pessimista que já conheci (sua leitura deveria ser proibida para depressivos), no século XIX já dizia, que estamos no pior dos mundos, e que nada pode ser feito a respeito disso. Antecipava assim, a psicanálise de Freud, para quem o mundo não é mau, nem bom, mas apenas indiferente ao sofrimento ou alegrias humanos. O pessimista não tem por que se suicidar, uma vez que convive com a idéia que o mundo é ruim. Já o otimista, para o qual o mundo é bom, não está preparado para a contrariedade, quando esta chegar. Por isso que fazer psicoterapia não costuma ser gostoso, pois seu objetivo é nos preparar melhor para as adversidades. Muitas vezes, aquilo que as pessoas consideram triste ou depressivo não passa de puro realismo. A não ser que se acredite em Papai-Noel, aí é outra estória...

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Dúvida Técnica

Será que alguém pode me ajudar?
Não estou conseguindo postar comentários com minha conta do Google, em meu próporio blog, aqueles comentários que saem bonitinhos com foto, mas apenas como "anônimo", assinando meu nome... Gostaria que minhas respostas não deixassem dúvida sobre a autoria.

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

A Esquerda

No aeroporto de Havana, em Cuba, havia placas com o seguinte texto escrito em várias línguas:
“Cuba é uma nação livre, soberana e independente. O governo é democrático, revolucionário e comunista. Aqui não há fome, exploração ou injustiça social. Não admitimos prostituição, drogas ou qualquer outra forma de depravação inerente ao capitalismo. Numa sociedade em que todos são iguais, não ocorrem furtos, roubos ou corrupção.”
Não sei se essa placa existia mesmo. Mas conheci muita gente que acreditaria em seu conteúdo. O regime cubano é fascinante apenas para intelectuais frustrados. A esquerda insossa e sem graça impera no mundo das ciências humanas, onde não se tem dinheiro e não se produz quase nada. Gente que afirma ser dotada de “consciência social”, movida por um sentimento de pureza, que glorifica a origem humilde, critica as elites, o capital, o estado, as empresas. Culpa o porco capitalista, o pequeno burguês pelos males do mundo. Sentem-se vítimas, mas heróicos, acusam o “sistema” e seus “crimes”. Valorizam a “sustentabilidade”: acham que vão salvar o mundo por não ter carro, reciclar o lixo e andar de bicicleta. Os esquerdistas aguados conseguem ser mais chatos do que um vegetariano convicto, um ecologista ou um fanático religioso.

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Viciado não é vítima

Os usuários de drogas costumam me dizer coisas do tipo: “Para agüentar a minha família, só mesmo fumando maconha!”; “Bebo mesmo, mas a culpa é da droga da minha mulher!”; “É verdade que roubei, mas depois de usar crack”; “...fazer o quê? A dependência química é uma doença, sou um doente!”. Alguns médicos são meio paternalistas com essas pessoas, considerando-as também como vítimas das drogas. Tentam cuidar delas, protegendo-as de culpas, como se a garrafa de vodka as tivesse perseguido e vencido suas fraquezas. Fiquei entusiasmado com a entrevista da revista veja desta semana, com um psiquiatra inglês (Anthony Daniels) com grande experiência no assunto. Ele afirma:
“A maneira como vemos o vício de drogas é errada. Tratamos o viciado como vítimas, incapazes de ser responsabilizados por suas escolhas. Isso é falso. Eles não são vítimas de seu próprio comportamento. Não existe droga tão viciante a ponto de ser impossível livrar-se dela. Os drogados usam entorpecentes por uma decisão pessoal.”

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Astrologia revela: o mundo não acaba em 2012

Como dediquei algum espaço para a homeopatia, uma corrente semelhante de pensamento, enciumada, também merece ser lembrada. A astrologia.
Considerada a astróloga mais influente do mundo, a  nova-iorquina Susan Miller, consagrada pela consulta de mais de 18 milhões de inteligentes pessoas por mês, nos alivia, após profundos e exaustivos estudos, com a maravilhosa notícia de que o mundo não vai acabar em 2012 (fim do calendário maia), graças a Deus. Que alívio!
Susan estudou astrologia com sua mãe durante 12 anos, revela que ela (sua mãe) é mais inteligente do que toda a civilização maia junta, e explica que esta é uma ciência que não se compreende rapidamente, é preciso estudar por um longo tempo. Ao contrário de outras mães, mais tradicionais, que só ensinam a cozinhar, fazer macarrão com porpetas; com ela, aprendeu a profissão de imensa responsabilidade que hoje lhe faz milionária. Imagine sugerir o uso de um vestido de cor inadequada para determinada fase lunar... ou então não perceber que o planeta Saturno encontra-se perto da constelação de Òrion na hora de ir ao banheiro... poderia acabar em, digamos... "zebra"(?).
Não saia de casa sem ler seu horóscopo, diáriamente em: http://www.astrologyzone.com/

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Show da Fé: o Dízimo Automático

                                                                                                                                                              

Tenho constatado que as maiores vítimas de preconceito religioso, disso não duvido, são as igrejas evangélicas. O que, sob certos aspectos é surpreendente, pois estas são as que melhor acompanham os desenvolvimentos tecnológicos do mundo moderno (vide postagem do “drive-thru de oração” neste blog, no dia 04/05/2011). Pensando nisso, a Igreja Internacional da Graça de Deus, resolveu facilitar ainda mais a vida de seus fiéis seguidores. Através de convênio firmado com os bancos do Brasil, Itaú e Bradesco, agora a coleta do dízimo já pode ser feita por meio de débito automático em conta corrente. Basta preencher um cadastro com seus dados bancários e determinar o dia mais conveniente para a sua doação. O que antes só era possível de ser feito com dinheiro vivo ou cartões, agora ficou mais fácil. A Igreja também está lançando seu cartão de crédito, que pode facilitar o pagamento de suas contas, adiando-o para até 40 dias, por intermédio do qual, você também estará contribuindo para as obras sociais da Igreja.
O próprio Missionário R.R.Soares, que comanda o show da fé, campeão de aparições na TV brasileira (pela Band, RedeTV e CNT), garante que quem utilizar o dízimo em conta será agraciado com “um brinde de Jesus”. Alguém duvida?

terça-feira, 9 de agosto de 2011

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Pacientes que não tive 25: Amy Winehouse

1983-2011

Apenas 27 anos. Problemas de saúde, problemas com a polícia, fama, dinheiro e infelicidade. Triste exemplo para aqueles que marcham pelas drogas.

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Em defesa da liberdade de expressão religiosa


 Foram três anos de luta na justiça, mas no fim, o austríaco Niko Alm conseguiu convencer o governo de seu país a permitir que nas fotos de seus documentos, ele apareça com um coador de macarrão na cabeça.
A princípio, as autoridades suspeitaram de que ele sofresse de alguma doença mental. Submetido a exames psiquiátricos, o médico concluiu que Alm não só era psicologicamente são, como seus argumentos eram absolutamente legítimos. Diante da autorização legal que permitia a judeus o uso do quipá e a muçulmanos o uso do véu islâmico em fotos de documentos oficiais, Alm solicitava igualdade de tratamento a sua religião, o Pastafarianismo (vide postagem do dia 20/07/2011 neste blog), religião que cresce no mundo inteiro, acreditando que Deus é formado de uma bola de espaguete e almôndegas gigante, e cujos dogmas exigem o uso do coador de macarrão na cabeça.
Alm apenas quer respeito por suas crenças, legitimação de seus direitos religiosos, como a ostentação pública dos adereços que representam suas mais profundas convicções pessoais sobre os porquês da vida e do universo, os mistérios da existência e da morte. Membro de uma minoria religiosa, tem sido alvo de violentas críticas, inclusive sendo injustamente acusado de ateísmo. Abaixo, seu documento:

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Cogumelo do Sol



O Agaricus subrufescens é um fungo, um cogumelo comestível conhecido por vários nomes, incluindo “Cogumelo do Sol” e “Cogumelo da Vida” entre outros. Recentemente vi um anuncio de sua venda na TV, e por curiosidade resolvi ligar. Melhor nem divulgar o nome da empresa em questão. Fui informado que o produto é "100% natural, portanto, que pode ser usado por qualquer pessoa, de qualquer idade e que serve para tudo”, hipertensão, diabetes, reumatismo, impotência, obesidade, queda de cabelo, depressão; foram enumeradas incontáveis doenças por ele “tratáveis” , inclusive câncer (de útero e mama, ela disse). Eu perguntei se seria bom para um suposto amigo, que sofreria de AIDS, tratando-se com o “coquetel” de antirretrovirais. Ela me assegurou que esses coquetéis distribuídos pelo Ministério da Saúde contém “muita química”, que causam perda de peso e outros problemas, mas que o cogumelo do sol, vendido por ela, prolonga a vida e a saúde dos doentes de AIDS. Ela recomendou o uso de 9 comprimidos ao dia, 3 a cada 8 horas. O preço? A bagatela de  R$ 928,00 (NOVECENTOS E VINTE E OITO REAIS), facilitados em 8 parcelas, a primeira para só daqui a dois meses. Mas, que isso seria suficiente para apenas 6 meses, e um paciente com AIDS, segundo ela, precisa de pelo menos 2 anos de “tratamento completo”.
E me tranquilizou dizendo que não tem contra-indicações....Talvez a única contra-indicação ao seu uso seja a inteligência.

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

O que querem os ateus?

O que eles querem? A discórdia? A guerra? Pregam o desamor, a desinteligência? Promovem orgias? Comem carne vermelha crua? São cruéis com animais e crianças? Será que estão escondidos entre nós? Odeiam minorias como nordestinos e homossexuais? Dormem pelados, sem pijamas? Quais horrores será que nos escondem? Como nos ameaçam?